Bastinho Calixto – Pegando fogo

capa

Colaboração do Zé Lima, de Niterói – RJ

seloaselob

Gravado em 16 canais, com produção de Bastinho Calixto, arranjos de Maestro Chiquinho e acordeons de Chiquinho e Genário.

verso

Destaque para “A Bandinha no Forró” de Ismael Carlos e Bastinho Calixto; e para “Pegando o Sol Com a Mão” de Bastinho Calixto.

Bastinho Calixto – Pegando fogo
Tapecar

01. Pegando Fogo (Bastinho Calixto)
02. Água Mole Em Pedra Dura (Bastinho Calixto)
03. A Bandinha no Forró (Ismael Carlos / Bastinho Calixto)
04. Deixe Papaizinho Ir (Oscar Barbosa / Bastinho Calixto)
05. Marina (Truvinca / Bastinho Calixto)
06. Sua Presença (Bastinho Calixto / Zelita Calixto)
07. Pegando o Sol Com a Mão (Bastinho Calixto)
08. Lá Vai Ela (Bastinho Calixto / Ana Paula)
09. Puxe o Fole (Bastinho Calixto / New Carlos)
10. Espírito de Artista (Lindemberg Araújo / Ana Paula)
11. Noite Fria (Bastinho Calixto)
12. Cadê Rosinha (Bastinho Calixto / Ivan Peter)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

Manoel Serafim – Pra não viver só

O áudio é uma colaboração do DJ Vinny, de Belo Horizonte – MG, as capas são do Jorge Paulo, o Bandeirante do Norte.

Destaque para “Sanfoneiro Bom” de Severino Medeiros e Albuquerque.

Manoel Serafim – Pra não viver só
1977 – Tapecar

01. Deixa Coração (Paulo Patrício)
02. Boa Professora (João Gonçalves / Zé Pretinho)
03. Malvada Mulher (Manoel Serafim / Zé Araújo)
04. Chicó Tá Lá (João Gonçalves / Zé Bezerra)
05. Sanfoneiro Bom (Severino Medeiros / Albuquerque)
06. Deus É Bom (Severino Ramos / J. C. Souza)
07. Menina Bonita (Reumar Barbosa / Bastinho Calixto)
08. Êta Véios Machos (Paulo Patrício)
09. Forró Em Caicó (Manoel Serafim / Tertuliano da Silva)
10. Homenagem a Campina Grande (Severino Medeiros / Brito Sabino)
11. Pra Não Viver Só (Zelita)
12. Procurando Outra Mulher (Nito Canhete / Manoel Serafim)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

Coletânea – Você gosta de música nordestina

Colaboração do Zé Lima, de Niteroi – RJ e do José de Sousa, de Guarabira – PB

Músicas cedidas por: CBS, Japoti, Arlequim, Nortson, Phonogram e Top Tape.

Participam da coletânea: Marinês, Trio Unidos do Norte, Zé Gonzaga, Anastácia, Broto do Rojão, Renato Leite, Elino Julião, Dominguinhos, Oswaldo Fahel, João do Pife, Abdias e Messias Holanda

Coletânea – Você gosta de música nordestina
1988 – Tapecar

01 Balaiando (Tarcísio Capistrano) Marinês
02 Forró do Mexe Mexe (Santos Silva) Trio Unidos do Norte
03 Casa ou não casa (Zé Gonzaga – Zenilton) Zé Gonzaga
04 Lá vai forró (Anastácia – Dominguinhos) Anastácia
05 Peixe fresco (Brôto do Rojão – Juca dos Santos) Broto do Rojão
06 Cheirando a dinheiro (Renato Leite) Renato Leite
07 O mela mela (Elino Julião) Elino Julião
08 O bom tocador (Anastácia – Dominguinhos) Anastácia
09 Quero um xamego (Anastácia – Dominguinhos) Dominguinhos
10 Explosão (Tarcísio Capistrano) Marinês
11 Pisa na barata (Oswaldo Fahel – Crizanto Machado) Oswaldo Fahel
12 Saramandaia (João Bibi) João do Pife
13 Cabo de vassoura (Adapt. Elias Soares) Abdias
14 Patinho na lagoa (Moni – Antonio A. Ribeiro) Messias Holanda

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

Corone Nacizinho – Show de graça

Colaboração do Zé Lima, de Niteroi – RJ e do José de Sousa, de Guarabira – PB

Não confundam, esse é o Coroné Nacizinho, sem o ‘r’ mesmo.

Corone Nacizinho – Show de graça
1973 – Tapecar

01 Terra de Gonçalves Dias (Nacizinho – Antonio Brasil)
02 A mulher e o rádio (Pereirinha – Nacizinho)
03 Amargura (Nacizinho)
04 Adeus morena (Nacizinho)
05 Hidro elétrica (Nacizinho)
06 Não sei o que vou fazer (Nacizinho – João A. Terêncio)
07 Esta negra (João A. Terêncio – Rouxinol – Nacizinho)
08 Foi, foi cabo João (Mendonça – Nacizinho)
09 Sou acusado (Nacizinho – P. Potiguar)
10 Casamento da negrinha (Nacizinho)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

Luizinho Calixto – Vamos dançar forró

Esse é o primeiro disco do Luizinho Calixto, acredita-se que o ano é 1975.

“Luizinho Calixto, nasceu na cidade de Campina Grande na Paraíba no ano de 1956. Vem de uma família de instrumentistas da sanfona de 8 baixos. Tudo começou com Seu Dideus, o pai de quatro sanfoneiros, o primeiro deles é Zé Calixto, depois Bastinho Calixto, João Calixto, e o caçula Luizinho Calixto, que começou a tocar sanfona de 8 baixos com 10 anos de idade.

Nos países da Europa, existem 9 modelos de afinação deste instrumento, por lá conhecido como Diatônico, muito diferente do sistema de afinação que se toca aqui no Brasil, é bom lembrar que a afinação da sanfona de 8 baixos mais usada no nordeste do Brasil é bem mais difícil do que os 9 modelos de Diatônicos da Europa, é também uma afinação desconhecida pela grande maioria da população mundial, e até em alguns dos estados do Brasil. Torna-se mais difícil porque não se tem conhecimento de existência de Escola em parte nenhuma do mundo e, é um instrumento que não obedece escala musical. Luizinho é tido como um dos melhores do Brasil na atualidade.

Na sanfona de 8 baixos, quando uma nota é pressionada e abre-se o fole, é emitido um tom, mantendo a mesma nota pressionada fechando o fole, é emitido outro tom. Uma particularidade do instrumentista Luizinho Calixto é que ele canta e acompanha-se muito bem. Luizinho Calixto já morou no Rio de Janeiro, na década de 70 quando gravou seu primeiro disco, intitulado “VAMOS DANÇAR FORRÓ”, foi também nessa época que teve a oportunidade de tocar com Sivuca, Dominguinhos, Jackson do Pandeiro e Luiz Gonzaga, recentemente participou de um encontro internacional de sanfoneiros promovido pelo presidente da associação de sanfoneiros do Brasil, na cidade de JAHU (SP), Sr. LAURO VALÉRIO na oportunidade se apresentou na companhia do acordeonista italiano MIRCO PATTARINI.

Luizinho residiu 06 anos no Rio, depois, retornou a sua terra natal, a cidade de Campina Grande na Paraíba. De lá, para Fortaleza (CE), onde reside desde 1982, casou-se em 1983 e teve dois filhos. Thiago, nascido em 1984 e Larissa, nascida em 1988. Ao todos são 11 discos gravados entre vinil e cds. Aqui Luizinho teve oportunidades muito valiosas, participou do filme de Florinda Bolkan “EU NÃO CONHECIA TURURÚ”, também já foi várias vezes a Europa, mostrou sua arte em várias cidades de PORTUGAL, ESPANHA e FRANÇA, também em Buenos Ayres e Córdoba na ARGENTINA em em Cabo Verde, na ÁFRICA. Tudo isso através da secretaria de Turismo do Ceará. Luizinho Calixto tem sucessos gravados por Beto Barbosa, Dominguinhos, Zé Calixto, Bastinho Calixto, Magno, e outros.

Luizinho toca alguns ritmos que nunca haviam sido tocados antes, por um sanfoneiro de 08 Baixos. Por exemplo, tango, bolero, valsa, bossa nova, além de xotes, forrós, frevos, sambas baiões, chorinho e marchinhas juninas. Luizinho hoje se apresenta com um regional, ou com uma banda, o regional é composto por sanfona de 08 baixos e voz, violão de 07 cordas, cavaquinho, pandeiro e triangulo, e a banda é composta por Sanfona de 08 baixos e voz, guitarra, contra baixo, bateria, zabumba, cavaco e triângulo.

Luizinho, também toca um pouco de acordeom de 120 baixos, violão e cavaquinho e também alguns dos instrumentos de percussão, como zabumba, pandeiro, triangulo, agogô e reco-reco. Luizinho é compositor e diretor musical, também nas horas vagas é desenhista e artista plástico.Luizinho é o autor do manual para ensinar interessados, na arte de tocar sanfona de 8 baixos, sendo também palestrante e professor em vários estados do Brasil.”(Extraído do Blog do artista)

Luizinho Calixto – Vamos dançar forró
1976 – Tapecar

01. Forró merengue (Bastinho Calixto)
02. Vamos dançar forró (Bastinho Calixto)
03. Dedilhado (João de Deus Calixto)
04. Chuveirinho (João de Deus Calixto)
05. Arapiraca (Severino Medeiros)
06. Isso é que é chorinho (Severino Medeiros / Zé Calixto)
07. Baile animado (Luizinho / Zé Calixto)
08. Vamos começar (Luizinho / João Calixto)
09. Aquela brasa (Zé Calixto)
10. Dedo seguro (Luizinho / Guarajá)
11. Arrasta-pé em Soledade (João de Deus Calixto)
12. Vai quem pode (Zé Calixto / Luizinho)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Bastinho Calixto – Bastinho Calixto

Colaboração do José de Sousa, de Guarabira – PB

Um raro disco do Bastinho Calixto, destaque para “Bicho besta” de Bastinho Calixto e Bartô Galeno; e para “Na noite que eu fuji com ela” de Bastinho Calixto e Alberto Sampaio.

Bastinho Calixto – Bastinho Calixto
1976 – Tapecar

01. O batedor (Bastinho Calixto / Albuquerque / João da Comdil)
02. Sua presença (Bastinho Calixto / Zelita Calixto)
03. Ôxente gente (Bastinho Calixto / Severino Medeiros)
04. Na goiabeira (Bastinho Calixto / Reumar Barbosa / Francisco de Assis)
05. Na hora que eu ia beijar (Bastinho Calixto / Carlos Santos / Adolfo da Modinha)
06. Amor americano (Bastinho Calixto / A. Ribeiro)
07. Baile dos malandros (Bastinho Calixto / Julio César)
08. Bicho besta (Bastinho Calixto / Bartô Galeno)
09. Na noite que eu fuji com ela (Bastinho Calixto / Alberto Sampaio)
10. Não dou carona (Bastinho Calixto / Zé Bezerra)
11. Jeitinho de um anjo (Chico Xavier / Zelita Calixto)
12. Só você não vem (Bastinho Calixto / Zelita Calixto)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

Coletânea – Festa na roça

Colaboração do José de Sousa, de Guarabira – PB

Uma rara coletânea da Tapecar, lançada em 1976.

Dessa coletânea participam: Manoel Serafim, Áurea Lane, Trio Mossoró, Bastinho Calixto, Luizinho, Jair Alves, João Gonçalves e Zé Calixto.

Coletânea – Festa na roça
1976 – Tapecar

01. Estou Solteiro (Manoel Serafim – Genezio Poriguar) Manoel Serafim
02. Eu Sou Mais Eu (Severino Ramos – Zeca Freire) Áurea Lane
03. São João Chegou (Cecéu) Trio Mossoró
04. Noite Linda (Zelita) Bastinho Calixto
05. Aperte a Dama (Luizinho – Alberto Sampaio) Luizinho
06. Festa de São João (Glorinha – Evaristo de França) Jair Alves
07. Fogo Pra Todo Lado (Joel Roen – Zé Pereira) Manoel Serafim
08. Quando Tá Eu e Você (Cecéu) Trio Mossoró
09. Pedido a São João (Zelita – Guajará) Áurea Lane
10. Coro Chato (Glorinha – A. Ribeiro) João Gonçalves
11. Na Cinza da Fogueira (Genario – Luizinho) Zé Calixto
12. Milho Verde na Fogueira (Zé Calixto) Zé Calixto

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

João Gonçalves – Nordeste de hoje

Colaboração do Zé Geraldo, de Taperoá – PB

Esse é um dos melhores discos do João Gonçalves, todas as músicas são de sua autoria.

Letras inteligentes e trocadilhos criativos, sua marca registrada, destaque para “A gente vale o que tem” de João Gonçalves.

João Gonçalves – Nordeste de hoje
1978 – Tapecar

01. No Carirí é assim (João Gonçalves)
02. Seu Roldão (João Gonçalves)
03. Labuta da vida (João Gonçalves)
04. Dona Carlota (João Gonçalves)
05. Casal de búfalos (João Gonçalves)
06. Eu estou com Deus (João Gonçalves)
07. Não seja egoísta (João Gonçalves)
08. A gente vale o que tem (João Gonçalves)
09. Advertência (João Gonçalves)
10. Bicho corredor (João Gonçalves)
11. Muito duro por um canudo (João Gonçalves)
12. Nordeste de hoje (João Gonçalves)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Zé Calixto – Pro povo dançar

Colaboração do Jorge Paulo, o Bandeirante do Norte

Participação especial de Coronel Zé Lotero, animando a quadrilha na faixa “Oi tentação” de Zé Calixto e Truvinca.

Produção de Bastinho Calixto, gravado em 16 canais, destaque para “Cuco” de Pascoalino Melillo e Avaré.

Zé Calixto – Pro povo dançar
Tapecar

01. Por aí afora (Luizinho)
02. Na base da poeira (José Araújo)
03. Toque forró pra nós (Luizinho)
04. Nostágico (Canhoto)
05. Forrozinho aperreado (Dominguinhos)
06. É forró tudo bem (Dominguinhos)
07. Cuco (Pascoalino Melillo – Avaré)
08. Oi tentação (Zé Calixto – Truvinca)
09. Pisa mansinho (Jorge Santos)
10. Camaragibe (Truvinca)
11. Pro povo dançar (Zé Calixto – Zé Pretinho)
12. Tacaimbó (Zé Calixto – José Araújo)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

Trio Mossoró – 30 dias de forró

Já faz um tempinho, eu tinha acabado de digitalizar esse disco e, casualmente, recebo uma cópia do mesmo, pronto pra pubicação, vinda do Lourenço, enviando lá de João Pessoa, mais uma raridade. Nessa publicação, o áudio meu e as capas do Lourenço Molla.

Metade das músicas são de autoria de Cecéu, entre elas, destaque para “Tem que se mexer” e “Só quem tem sou eu”

Direção de produção de Oséas Lopes e assistente de produção Bastinho Calixto. Outra compositora de peso, Anastácia, assina mais três das composições, entre elas, destaque para “Fole véio”.

Trio Mossoró – 30 dias de forró
1976 – Tapecar

01. Tem que se mexer (Cecéu)
02. Trinta dias de forró (Bartô Galeno / João Mossoró)
03. Baticuntum (Cecéu)
04. São João chegou (Cecéu)
05. Fole véio (Anastácia)
06. Ingratidão (João Mossoró)
07. Só quem tem sou eu (Cecéu)
08. Ele tá com medo dela (Cecéu)
09. Tributo a Jovahyr (João Mossoró / Wadson Jackson)
10. Quando tá eu e você (Cecéu)
11. Se não fosse você (Anastácia / Dominguinhos)
12. Chegou São João (Dominguinhos / Anastácia)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

1 2 3

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook