Reinaldo Silva – Pernambucano de fibra

reinaldo-frente

Esse é o terceiro disco que peguei com o Magrão pra postar aqui no blog. Pela capa não me animei muito, mas ele disse: “Pode levar que é forró do bom, fique tranquilo…” e não é que é um forrózão lascado?

reinaldo-verso

A temática das composições é bastante particular, desde a declaração de amor, passando pelo duplo sentido até as médias com a política da época, de olho nos extintos showmícios. Participação de Cézar do acordeon e de Dió na Zabumba. Destaque para o uso de melodias já conhecidas dos forrozeiros de plantão com outras letras.

Reinaldo Silva – Pernambucano de fibra
1982 – WNA Records

01 Pernambucano de fibra (Urias Mariano – Reinaldo Silva)
02 Cristiane (Urias Mariano – Reinaldo Silva – Potyguar)
03 Ela não ligou (Professor do ritmo – Potyguar)
04 Forró da Zita (Luiz Rodrigues – Reinaldo Silva)
05 Brasil de ponta a ponta (Luiz Rodrigues)
06 Gosto de sorrir (Osmar Torres – Reinaldo Silva)
07 Forró zuando (Potyguar – José Araújo)
08 Quem ganhou fui eu (Luiz Rodrigues)
09 Mulher de topless (Luiz Rodrigues – Potyguar)
10 Chambregando (Reinaldo Silva – Potyguar)
11 Deus e a natureza (Urias Mariano – Reinaldo Silva – Luiz Rodrigues)
12 homenagem a São Paulo (José Barroso – Luiz Rodrigues)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Alcymar Monteiro – Rosa dos ventos

alcymar-monteiro-rosa-dos-ventos-frente

Do Alcymar Monteiro eu conheço pouca coisa, aqui em São Paulo não chega muita coisa dele. Esse é um dos LPs que tenho, arranjos variados, passando por vários ritmos. Segue e trecho inicial do release dele.

“Começou a cantar aos 5 anos, posteriormente passou pelos programas de calouros, bandas de bailes. Quinto filho de uma família de 9 irmãos, oriunda da região do Cariri, Sul do Ceará. Formação musical toda ela voltada para o folclore e a tradicionalidade. Neto de violeiro, sobrinho de sanfoneiro, famílai originária de Santa Cruz do Capibaribe – PE. Fez teatro, estudou música no conservatório Alberto Neopomuceno em Fortaleza. Cursou o 3º ano de letras na (U.V.A) Universidade do Vale do Acaraú–CE e concluiu seu curso superior na universidade da Vida.”

alcymar-monteiro-rosa-dos-ventos-verso

Participação especial de Luiz Gonzaga na faixa “Cor de canela” e de Sivuca na faixa “Ingazeira”, ambas de autoria de Alcymar Monteiro e João Paulo Júnior, parceria que assinou a autoria da maioria das músicas desse disco. Arranjos e regências do Maestro Chiquinho e Antonio Adolfo, acordeons de Sivuca e Chiquinho, e ritmo de Ivan Milanes, Bastinho Calixto, Hermelinda e Durval.

Destaque para a faixa “Ingazeira” gravada anteriormente, em 1983, no LP “No balanço da fogueira”, pelo Trio Juazeiro sob o nome de “Xiquindim” e autoria de Alcymar Monteiro de Ligeirinho.

Alcymar Monteiro – Rosa dos ventos
1987 – RGE

01. Rosa dos Ventos (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
02. Cavaleiro do Céu (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
03. Cor de Canela (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
04. Pot Pourri ”Recordação”:

  • Luar do Sertão (Catulo da Paixão Cearense)
  • Maringá (Joubert de Carvalho)
  • Felicidade (Lupicínio Rodrigues)

05. Eu Acho É Bom (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
06. Quarentena (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
07. Você Quer Namorar Comigo (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
08. Um Beijo Pra Você (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
09. Marcado Pra Morrer de Amor (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)
10. Sofreu (Corrupião) Poema de Patativa do Assaré (Melodia de Alcymar Monteiro – João Paulo Jr.)
11. Coração Bate Sem Jeito (Alcymar Monteiro – Jorge Monteiro – João Paulo Júnior)
12. Ingazeira (Alcymar Monteiro – João Paulo Júnior)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Os Filhos do nordeste – Morrendo de paixão

filhos-do-nordeste-morrendo-de-paixao-capa

Ontem estive na Festa Raízes nordestinas, que foi a comemoração do aniversário de alguns bons amigos aqui de São Paulo. Nela foram reunidos alguns dos trios de forró que mais me agradam, além de uma tarde maravilhosa ao som do melhor forró, encontramos com vários amigos de outros estados e ainda tive o privilégio de receber em primeira mão o último CD dos Filhos do Nordeste.

filhos-do-nordeste-morrendo-de-paixao-verso

Várias regravações, muito bem escolhidas e interpretadas com maestria pelo trio. Realmente sou absolutamente suspeito para falar do filhos do nordeste, trio do qual sou muuuuito fã, tanto do seu som, de primeiríssima linha, quanto de seus integrantes, pessoas simples e músicos maravilhosos.

Arranjos de Gerson dos teclados, produção de Bacural e Macambira, destaque para as regravações “Bata nêgo” de Elino Julião e Severino Ramos, para “Banho de açude” de Chico Amaro e para “Quem ri sou eu” de Tonico, gravada originalmente com o nome de “Tudo que você fez” no LP “Mamulengo da praça” com Os Filhos do Norte, em 1979. E das inéditas, destaque para o xote “Ciúme do ET” de José Roberto.

Filhos do nordeste – Morrendo de paixão
2008

01 Na força do zabumbá (Regio Cabrochar – Carlos Mendes)
02 Ciúme do ET (José Roberto)
03 Bata nêgo (Elino Julião – Severino Ramos)
04 Vento de longe (Gavião)
05 Gato de armazem (Pedrinho Lins – Jacinto)
06 Pau de sebo (Giba Ge)
07 Quem ri sou eu (Tonico)
08 O pegador (Pedrinho Lins – Robertinho)
09 Amor de morena (Dôdo do acordeon)
10 Você é tão linda ( Pedrinho Lins – Bacural)
11 Forró arrumado (Bacural – Macambira)
12 De paz com a vida (Maciel de Belém – Rosildo)
13 Banho de açude (Chico Amaro)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

A bandinha do Coroné Fuleiro – São João Alegre

capa-frente1

Mais uma colaboração do Jirrê, de Salvador – BA. Dessa vez para comemorar o dia de São Pedro, outro disco de quadrilhas e marchinhas juninas. Ele disse: “Gravado em 1985, o destaque vai para os compositores. No mais, são músicas conhecidas de todos.

A arte da capa não é muito convidativa, mas o som que está ali escondido no vinil, é de muito boa qualidade. A gravação foi muito bem feita, com duas sanfonas bem separadinhas pelo stereo e uma caixa pra cetralizar e dar a cadência.

capa-fundo1

Quem quiser fazer uma festinha em casa, a animação da quadrilha já está garantida, pra ninguém ficar parado. Vários clássicos, um na sequência do outro, quisera eu que todo mundo pudesse ter um som como esse como referência.

A bandinha do Coroné Fuleiro – São João Alegre
1985 – Columbia

Lado A
01. Arraiá do la vai um (quadrilha marcada, de Agostin do Fole)
02.

  • São João alegre (Agostin do Fole e P. Tuba)
  • Festa no arraiá (Agostin do Fole e P. Tuba)
  • O sanfoneiro só tocava isso (Haroldo Lobo e Geraldo Medeiros)

Lado B
03.

  • Chegou a hora da fogueira (Lamartine Babo)
  • Antonio, Pedro e João (Benedito Lacerda – Oswaldo Santiago)
  • Capelinha de melão (João de Barro – Alberto Ribeiro)

04.

  • Pula a fogueira (Getulio Marinho e João Bastos Monteiro Filho)
  • Isto é lá com Santo Antonio (Lamartine Babo)
  • Cai, cai balão (Assis Valente)

05.

  • Noites de junho (João de Barro – Alberto Ribeiro)
  • Arraial de Santo Antonio (Frederico de Freitas – Julio Dantas)
  • Olha pro céu (Luiz Gonzaga – José Fernandes)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Elino Julião – Canto do Seridó II

elino-juliao-canto-do-serida-2-capa

Essa é uma colaboração da Gabriela e do Roberto, que foram a Natal – RN e nos trouxeram esse CD do Elino, muito bom por sinal, me agradou muito o repertório e também o fato do cara do centro cultural de lá tê-lo recomendado, o que mostra que o nome do Elino ainda é referência entre os forrozeiros potiguares.

jumento-e-elino-juliao

“A minha ausência da mídia deveu-se a minha saída da gravadora CBS. Passei dez anos parado. Por isso a falta de fervura na minha carreira. O Canto do Seridó me trouxe de volta” (Palavras do Elino, publicadas na Tribuna do Norte- Natal – RN)

O Canto do Seridó II é o oitavo CD da carreira de Elino, além dos 46 LPs em vinil, compactos simples e coletâneas. Sanfonas de Oswaldinho, Waldonis e Pio Galvão, além do 8 baixos de Luizinho Calixto. Entre músicas do disco, algumas inéditas e algumas regravações. Participação especial de Zeca Baleiro na faixa “Rela-Buxo”, de autoria do Elino, assim como as demais composições desse álbum. Destaque para “Bodega do Expedito”, uma das melhores regravações.

Elino Julião – Canto do Seridó II
2002

01 Amor de barro (Elino Julião – Veneranda)
02 Na bodega do Expedito (Elino Julião)
03 O forno (Elino Julião)
04 Cajueiro de Piranji (Elino Julião)
05 Rela bucho (Elino Julião)
06 Quem ama sofre demais (Elino Julião)
07 Marchinhas juninas (Elino Julião)
08 Esperando ela (Elino Julião)
09 Mão na massa (Elino Julião – Veneranda)
10 Seri, seridó (Elino Julião)
11 Ninar de neném (Elino Julião – Veneranda)
12 Cadê a felicidade (Elino Julião – Veneranda)
13 Louvação a Nossa Senhora de Santa´na

Para baixar esse disco, Clique aqui

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Alberto Calçada – Festa de junho

alberto-calaada-festa-de-junho-capa

Mais uma colaboração junina do Goes, ele disse:

“LP de Alberto Calçada e seu conjunto, grande intérprete e compositor paulista. Lançado em 1965 e reeditado em 1983, apresenta, também, obras juninas dos carnavalescos e genuínos brasileiros Lamartine Babo, Alberto Ribeiro, Braguinha e Assis Valente. É de tirar o fôlego.”

alberto-calaada-festa-de-junho-contra-capa

Alberto Calçada, nascido Alberto de Souza Calçada, dia 06/08/1929, em São Paulo – SP. Compositor e instrumentista, aos 12 anos começou a tocar acordeon, viveu e se apresentou em diversas rádios, gravou vários LPs e 78RPM, a maioria pela Chantecler.

Esse disco tem apenas uma faixa de cada lado, cada uma tem uma sequência de instrumentais muito boa, com uma cadência maravilhosa e nada acelerada, bem lentinho, quem estiver dançando, dá até pra xamegar.

Alberto Calçada – Festa de junho
Continental

01

  • Pula fogueira (Getúlio Marinho – João Bastos Filho)
  • Sonho de papel (Alberto Ribeiro)
  • Pedro, Antônio e João (Oswaldo Santiago – Benedito Lacerda)
  • Chegou a hora da fogueira (Lamartine Babo)
  • Cai, cai balão (Assis Valente)
  • Capelinha de melão (Alberto Ribeiro – Carlos Braga)
  • Noites de junho (Carlos Braga – Alberto Ribeiro)
  • Arraial de Santo Antônio (Frederico de Freitas – Julio Dantas)

02

  • Isto é lá com Santo Antônio (Lamartine Babo)
  • Carneirinho, carneirão (Antônio Nássara)
  • Quero quero (Lamartine Babo)
  • Pistolões (Lamartine Babo)
  • São João a moda (Lamartine Babo)
  • Prece à Santo Antônio (Ophélia S. Queiroz)
  • Bilhetinho à Santo Antônio (Tarcísio Flávio Pereira)
  • Aí que tá (Alberto Calçada)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Venâncio e Os Baianos de Aracajú – Brasil com “S”

venancio-brasil-com-s-frente

“Com o título de ‘Brasil com S’, estamos derramando por sobre o chão de todo o orbe terráqueo um trabalho musical integrado das condições antrtopológicas de quase todos os Estados da federação. As músicas tem cheiro de fumaça; fumaça de uma planta leguminosa Cáesalpinia echinata que dá o pau-brasil, essa madeira de onde se originou o nome dos ‘nossos’ 8.500.00Km2 de terra. Brasa é escrita com S, assim sendo não deve sair do ‘oitão’ da nossa casa, um Brasil com Z e sim Brasil com S – S de samba.” (Trecho extraído da contra capa assinado pelo próprio Venâncio)

Após o final da parceria com Corumba, em 1968, Venâncio, continuou a compor, sempre se voltando para os aspectos folclóricos da música nordestina. Criou o grupo Baianos de Aracaju e com ele gravou esse disco, alcançando boa aceitação por parte da crítica.

venancio-brasil-com-s-verso

Direção artística de Salatiel Coelho, produção de Marcos Cavalcanti de Albuquerque, gravado em 8 canais com arranjos e regência do Maestro Vidal França. Destaque para “Balança Esse Menino” de Venâncio e Clóvis Cavalcanti.

Venâncio e Os Baianos de Aracajú – Brasil com “S”
1978 – Premier/RGE

01. Brasil Caboclo (Oliveira Francisco de Melo – João Quindingues)
02. Segure a Louça (Venâncio – Guriatã do Coqueiro)
03. Rio de Ontem (Venâncio – Pechincha)
04. Frei Damião (João Rodrigues – Carlos Magno)
05. Prece ao Vento (Gilvan Chaves – Fernando Luis – Alcyr Pires Vermelho)
06. Cavalo do Cão (Clóvis Cavalcanti – Venâncio)
07. O Ensaio (Talismã – Getúlio Dórleans)
08. João Crioulo e Maria Mulata (Venâncio – Pechincha)
09. Baião da Viola (Venâncio – Corumba)
10. O Índio (Venâncio – Clóvis Cavalcanti)
11. Balança Esse Menino (Venâncio – Clóvis Cavalcanti)
12. Zé de Olinda (J. Cavalcanti – A. Carrasco)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Anastácia – A fulô do forró

anastacia-a-fula-do-forra-frente

De volta à Chantecler, sua primeira gravadora, com um disco balançado, bom de se dançar, Anastácia trás um time completo de feras, Oswaldinho do acordeon, Siriaco, Castanheira, Dió de Araújo, Magrão, Ary, Gerson e Mário.

anastacia-a-fula-do-forra-foto

“Apesar de cantar profissionalmente desde 1954, quando cantava na rádio Jornal do comércio do Recife, o nome Anastácia teve projeção nacional apenas em 1975, quando sua música ‘Eu só quero um xodó’, em parceria com Dominguinhos, estourou em todo Brasil na voz de Gilberto Gil.” (Trecho inicial do texto da contra capa)

anastacia-a-fula-do-forra-verso

Todas as músicas são de autoria ou tem parceria da Anastácia, com excessão da faixa “Pelo do quipá”, um xote de Jorge Mello. Destaque para o nacionalismo demonstrado na faixa “Vamos dançar xote”.

Anastácia – A fulô do forró
1981 – Chantecler

#01. Forró do balancê (Anastácia – Marcos Rozilla)
#02. Passaro de aço (Anastácia – Marcos Rozilla)
#03. Vamos dançar xote (Anastácia – Oscar Barbosa)
#04. Corvo preto (Anastácia – Julinho)
#05. Onda diferente (Anastácia – Juarez Santiago)
#06. Là no forró lascado (Anastácia – Liane)
#07. A fulô do forró (Anastácia)
#08. Moreno dos meus olhos (Anastácia)
#09. Forró dos corôas (Anastácia – Zé Lagoa)
#10. Pelo do Quipá (Jorge Mello)
#11. Tive que arribá (Anastácia)
#12. Amargo que nem jiló (Anastácia)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Coletânea – Capelinha de Melão

capelinha-de-melao

Mais uma preciosa colaboração do Goes, dessa vez pra comemorar o dia de São João, mais um disco com quadrilhas e marchinhas juninas, de primeiríssima linha.

“Esta obra é muito valiosa, pois mostra a cultura nordestina com suas crendices, suas músicas nos diversos tipos de ritmos, além da qualidade do repertório, dos textos e das interpretações dos artistas e cantores. Destaques para ‘Feira de Caruaru nº 2’, com o próprio compositor e cantor Onildo Almeida, para a clássica ‘Capelinha de Melão’ e o xaxado ‘Dança de Lampião’. Disco muito bom.”(Palavras do Goes)

capelinha-contra-capa

‘Na face A de “Capelinha de melão” está registrada legítima brincadeira junina, representada através de “No forró do Bastião”, quando da reunião de simples pessoasnascem divertimentos próprios da época, com suas características “sortes”, “advinhações” e “promessas”. “No forró do Bastião” se brinca, se dança e se é inteiramente feliz

A face B reúna músicas do mais intenso sabor junino, principiando pela que fala em “Capelinha de melão”, que dá título a esse disco. “Capelinha de melão é de São João”, explica a melodia típica. As outras composições, dentro do mais forte caráter de época, compõem, da maneira admirável, a unidade melódica junina que se quis alcançar.’ (Trecho extraído da contra capa)

Coletânea – Capelinha de Melão
Mocambo

Lado A

No forró do Bastião (Texto de Luiz Queiroga)
Intérpretes: Nina Oliveira – Giovani Siqueira – Luiz Queiroga

01.

  • Forró do Bastião – Forró (Luiz Queiroga) – Os Três Bohêmios
  • Olê Laurindo – Marcha de roda (Motivo popular adaptado por Luiz Queiroga) – Luiz Queiroga
  • Feira de Caruarú Nº 2 – Baião ( Onildo Almeida) – Onildo Almeida
  • A rebeca do Justino – Polca (Walfrêdo Ribeiro) – Walfrêdo Ribeiro
  • Advinhações – Côco (Nelson Ferreira – Luiz Queiroga) – Mêves Gama
  • Pisei na fogueira – Marcha ( Nelson Ferreira – Sebastião Lopes) – Dupla Céu e Mar
  • De um em um – Polca (Ivanildo Rafael) – Bandinha “Lyra de Ouro”

Lado B

Capelinha de Melão (Músicas juninas)

02. Capelinha de Melão – Motivo popular – Côro Mocambo
03. Balãozinho azul – Marcha – (Júlio do Carmo) – Mêves Gama
04. Menina nova – Xote ( Bartolomeu Medeiros) – Os Três Bohêmios
05. Bicha de rodeio – Polca (Jair Pimentel) – Jair Pimentel
06. A sanfoninha do menino – Baião (Antônio Martins) – Toinho da Sanfona, em sanfona de 4 baixos
07. Casamento antigo – Xóte (Onildo Almeida) – Onildo Almeida
08. Dança de Lampião – Xaxado (Reginaldo Bezerra) – Mara Silveira

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Nando Cordel – Puro prazer

nando-frente

Compositor consagrado, transita por diversos ritmos, Nando Cordel sempre tem um forrózinho bom em cada álbum que lançou, hoje já são mais de 20 discos gravados e 02 coletâneas.

nando-verso

Arranjos e regências de Sivuca e Tutuca, participação especial de Elba Ramalho na faixa “Grude”. A linha dos arranjos varia bastante, de forrós muito bons até reggaes e outras levadas. Destaque para “Suadeira” de Nando Cordel e Jaguar, para “Você caiu do céu” e para “Será que a gente se namora?” ambas de Nando Cordel.

Nando Cordel – Puro prazer
1988 – RCA

#01. Grude (Nando Cordel)
#02. Suadeira (Nando Cordel – Jaguar)
#03. Minha fraqueza é você (Nando Cordel)
#04. Amor dengoso (Nando Cordel)
#05. Você só quer mamar (Nando Cordel)
#06. Mole-mole (Nando Cordel)
#07. Você caiu do céu (Nando Cordel)
#08. Teu amor é bom que dói (Tonho – Dito – Junior)
#09. Teu lugar é no meu verão (Nando Cordel)
#10. Será que a gente se namora? (Nando Cordel)
#11. É gostoso tá com você (Jorge – Celson)
#12. Jorrou (Nando Cordel)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

1 2 3 4

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook