post image

Coletânea – O fino do pau de sebo – vol. 6

coletacnea-1986-o-fino-do-pau-de-sebo-vol-6-capa

Colaboração do José de Sousa, de Guarabira – PB.

coletacnea-1986-o-fino-do-pau-de-sebo-vol-6-acoletacnea-1986-o-fino-do-pau-de-sebo-vol-6-b

Esse volume da série “O fino do pau de sebo” reúne Assisão, Gerson Filho, Pedro Sertanejo, Pedro Raimundo, Trio Nordestino, Clemilda, Anastácia e Noca do acordeon.

coletacnea-1986-o-fino-do-pau-de-sebo-vol-6-verso

As gravações são as mesmas de seus álbuns originais, o disco é apenas uma compilação, a seleção do repertório não é atribuída a ninguém, e curiosamente, alguns artistas como Gerson Filho tem 3 faixas enquanto Noca ou Assisão, por exemplo, tem apenas uma faixa cada.

Coletânea – O fino do pau de sebo – vol. 6
1986 – Phonodisc

01 Safra boa (Assisão) Assisão
02 Quadrilha em Boqueirão (Anastácia – Dominguinhos) Gerson Filho
03 Na casa do Zebedeu (Pedro Raymundo) Pedro Raymundo
04 Noite de São João (Rosalvo Alves – Sid Bia) Trio Nordestino
05 Festa junina (Gerson Filho) Gerson Filho
06 Pé de bode (Pedro Sertanejo) Pedro Sertanejo
07 Alegrando São João (Isnaldo Santos) Clemilda
08 Serra negra (Pedro Sertanejo) Pedro Sertanejo
09 O fole do Rafael (Clemilda) Clemilda
10 Rato molhado (Pedro Sertanejo) Pedro Sertanejo
11 São João está chegando (Milton José – Anastácia) Anastácia
12 Forró de Zé do Bode (Heleno Luiz – Pedro Sertanejo – Clementino Silva) Trio Nordestino
13 Cidade baixa (Noca) Noca do Acordeon e conjunto
14 Assanhadinho (Gerson Filho – Clemilda) Gerson Filho

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Pedro Raimundo – Adeus Mariana

pedro-raimundo-1965-1977-adeus-mariana-capa

Acima a capa do relançamento pelo selo Phonodisc, do ano de 1977.

Acima as capas do original foi lançado em 1968 pelo selo Musicolor, enviadas posteriormente pelo Zé Lima, de Niteroi – RJ.

pedro-raimundo-1965-1977-adeus-mariana-selo-apedro-raimundo-1965-1977-adeus-mariana-selo-b

“Pedro Raimundo nasceu em 29/06/1906, em Imaruí – SC.
Compositor. Cantor. Instrumentista. Sanfoneiro. Nasceu em berço pobre, e seu pai, João Felisberto, era pescador e sanfoneiro. Aos 8 anos começou a tocar sanfona. Até os 17, trabalhou como pescador. Trabalhou na Estrada de Ferro Esplanada-Rio Deserto, em Santa Catarina. Em 1929, mudou-se para Porto Alegre, onde trabalhou como condutor de bondes, inspetor de tráfego, guarda-freios, maquinista de usina, balconista e oleiro. Foi também chaveiro da estrada de ferro D. Teresa Cristina, onde foi vítima de um acidente que lhe deixou um defeito na mão, o que, entretanto, não o impediu de tornar-se um dos mais brilhantes sanfoneiros do Brasil.” (Fonte)

pedro-raimundo-1965-1977-adeus-mariana-verso

“Sua descontração e exuberância valeram-lhe o slogan de O gaúcho alegre do rádio: alternava, em suas apresentações, músicas alegres com outras sentimentais. Foi o primeiro artista típico gaúcho a alcançar fama nacional. Apresentava-se com bombachas, lenço no pescoço, botas, esporas, chapéu e guaiaca. Percebendo a aceitação do seu traje regional, Luiz Gonzaga sentiu-se estimulado a apresentar-se como sertanejo nordestino.” (Fonte)

Destaque para “Escadaria”, na versão de seu compositor.

Pedro Raimundo – Adeus Mariana
1968 – Musicolor

01. Adeus Mariana (Pedro Raimundo)
02. Saudade de Laguna (Pedro Raimundo)
03. Gaúcho Largado (Pedro Raimundo)
04. Escadaria (Pedro Raimundo)
05. Sanfoninha Velha Amiga (Pedro Raimundo)
06. Prece (Pedro Raimundo)
07. Na Casa do Zebedeu (Pedro Raimundo)
08. Mágoas de Amor (Pedro Raimundo)
09. Se Deus Quiser (Pedro Raimundo)
10. Chico da Ronda (Pedro Raimundo)
11. Meu Coração Te Fala (Pedro Raimundo)
12. Oriental (Pedro Raimundo)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook