Robertinho do Acordeon – São Paulo quatrocentão

Capa

Colaboração do Lourenço Molla, de João Pessoa – PB

Selo ASelo B

“José Carlos Ferrarezi, mais conhecido como Robertinho do Acordeon, o músico liderava o grupo Robertinho do Acordeon & Seu Regional, que acompanhou o programa Viola, Minha Viola, de Inezita Barroso, na TV Cultura durante 25 anos.

Verso

Como compositor, gravou mais de 20 discos, além de ter acompanhado muitos dos principais nomes da música de raiz, como as duplas Tonico & Tinoco, Pedro Bento & Zé da Estrada, Tião Carreiro & Pardinho, além da própria Inezita Barroso.”

Robertinho do Acordeon – São Paulo quatrocentão
1987 – Tocantins

01 – São Paulo quatrocentão (Garoto – Chiquinho)
02 – Sem descanso (Angelo Reale)
03 – Deixa comigo (Robertinho do Acordeon – Natal Cesar)
04 – Baião da Serra Grande (Fred Willians – Palmeira)
05 – Mentiroso (Antonio Rago)
06 – Saudade de mim (Lauro Valerio – Robertinho do Acordeon)
07 – O sorriso da Inezita (Robertinho do Acordeon)
08 – Arrastapé em Cajurú (Robertinho do Acordeon)
09 – Mate amargo (Francisco Brancatti – Carlos F. Bravo)
10 – Aí que tá (Alberto Calçada – Vicente Lia)
11 – Mariza (Moraes Sarmento)
12 – Pica o pau (Robertinho do Acordeon)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Severo – Vou Caminhar

capa

Colaboração do João Gabriel, de Niteroi – RJ

“Quem curte o Rei do ritmo Jackson do Pandeiro , curte a sanfona bem tocada de Severo, que por anos o acompanhou no conjunto Borborema.
Infelizmente com toda sua habilidade musical e com muitas historias de forró para contar, Severo é pouco valorizado no novo movimento do forró pé de serra e raramente toca no sudeste.

seloaselob

Esse mestre da sanfona que dedica esse disco a Jackson do Pandeiro, já gravou com outros grandes nomes do forró como a cantora Elba Ramalho e o grande Alceu Valença. Esse último escreve um lindo texto sobre o sanfoneiro:

Severo pra mim significa a memória viva da cultura nacional.
E o filho musical do meu sempre vivo Jackson do Pandeiro , de quem herdou a difícil e árdua missão de continuar Brasileiro. Tarefa que ele encara com a severidade serena do iluminados.
A competência do musico tai e ouvinte pode comprovar escutando os seus forrós , frevos, xotes , rojões e pés de serra.
Severo é sinceridade , talento, competência, lealdade , balanço, valentia e modéstia.
Severo é Santo minha gente ” (Alceu Valença)

verso

Nesse disco destacamos , as instrumentais ‘Forró do bom’ de Severo, ‘No pé de caruá’ de Severo e Zé da Flauta, ‘Truvinca no forró’ de Truvinca e Severo, e a ‘Do jeito que agente gosta’ de Severo, que mais tarde ganhou letra do próprio Severo e do compositor Jaguar, gravada na voz de Elba Ramalho.”

Severo – Vou Caminhar
1983 – Ariola

01. Dina (Carlos Fernando / Alceu Valença / Severo)
02. Forró do Bom (Severo)
03. Fulô do Dia (Carlos Fernando)
04. No Pé de Caruá (Zé da Flauta / Severo)
05. Frevo Em Olinda (Dominguinhos)
06. Os Olhos Dela (Alceu Valença / Severo)
07. Forrozando (Severo)
08. Do Jeito Que A Gente Gosta (Severo / Jaguar)
09. Truvinca no Forró (Truvinca / Severo)
10. Alvoroço (Severo)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Robertinho e regional – Chorinhos e autores famosos

capa

Colaboração da Severina Souza, de Sumé – PB

verso

Destaque para “Brasileirinho” de Waldir Azevedo.

Robertinho e Regional – Chorinhos e Autores Famosos
1982 – CID

01 – Brasileirinho (Waldir Azevedo)
02 – Ou vai ou racha (D.P.)
03 – Bem-te-vi atrevido (Lina Pesce)
04 – Odeon (Ernesto Nazareth)
05 – O boêmio (Catulo da Paixão Cearence – A. de Medeiros)
06 – Flor amorosa (Catulo da Paixão Cearence – Joaquim A. da S. Callado)
07 – Tico tico no fubá (Zequinha de Abreu)
08 – Brejeiro (Ernesto Nazareth)
09 – O matuto (Ernesto Nazareth)
10 – Barracão (Luiz Antonio – Oldemar Magalhaes)
11 – Carinhoso (Pixinguinha – João de barro)
12 – Da cor do pecado (Bororó)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook