post image

Moreira da Silva – Compacto duplo

Eis aqui um raríssimo compacto duplo do Moreira.

Infelizmente a data não veio impressa nem nos selos e nem na contra capa. Alguém sabe dizer qual o ano de lançamento desse disco?

As músicas desse disco não ficaram tão famosas, porém são muito interessantes. Creio que a que ficou mais conhecida foi “Papa defunto” de autoria de Zilda do Zé.
Vale ressaltar a presença do piano dentro do arranjo.

Moreira da Silva – Compacto duplo
Odeon

01 Nego fogão (Zé Pitanga – Aldran Carvalho)
02 A garota do morro (Mário Teresópolis)
03 Papa defunto (Zilda do Zé)
04 Cenário de luz (Carvalhinho – Moreira da Silva)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Moreira da Silva – O Último Malandro

frente1959

Colaboração do sergipano Everaldo Santana

Moreira da Silva 1968 - versoseloa
selobfenixverso
fenixcapaselofenix

O lançamento original desse vinil é de 1958 e depois teve alguns re-lançamentos, por outros selos e com outras capas.

verso1959

A maioria das músicas, em anos anteriores, já haviam sido lançadas em 78 RPM, como por exemplo “Acertei no Milhar” de Wilson Batista e Geraldo Pereira, publicada originalmente em 1940.

Moreira da Silva – O Último Malandro
1958 – Odeon
1968 – Imperial
Fenix

01. Que Barbada (Valdrido Silva / Moreira da Silva / Jucata)
02. Amigo Urso (Henrique Gonçalez)
03. Vara Criminal (Moreira da Silva / Ribeiro Cunha)
04. Olha o Padilha (Bruno Gomes / Ferreira Gomes / Moreira da Silva)
05. Dormi no Molhado (Moreira da Silva)
06. Dona História Com Licença (Moreira da Silva)
07. Jogando Com o Capeta (Moreira da Silva / Ribeiro Cunha)
08. Acertei no Milhar (Wilson Batista / Geraldo Pereira)
09. Na Subida Do Morro (Geraldo Pereira / Moreira da Silva / Ribeiro Cunha)
10. Averiguações (Wilson Batista)
11. Esta Noite Eu Tive Um Sonho (Wilson Batista / Moreira da Silva)
12. Chang-lang (Moreira da Silva / Ribeiro Cunha)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Moreira da Silva – Morengueira

Morengueira - frente

Colaboração do sergipano Everaldo Santana

seloaselob

Esse disco também foi lançado pelo selo Odeon.

Morengueira - verso

Vejam como a temática das composições era baseada nos filmes do cinema da época.

Moreira da Silva – Morengueira
1968 – Imperial

01. O Rei do Gatilho (Miguel Gustavo)
02. O Último dos Moicanos (Miguel Gustavo)
03. Os Intocáveis (Miguel Gustavo)
04. Morengueira Contra 007 (Miguel Gustavo)
05. O Conto do Pintor (Miguel Gustavo)
06. Malandro Em Sinuca (Moreira da Silva)
07. Cinderela Em Negativo (Eratóstenes Frazão / Nelson Barros)
08. Cachorro Da Madame (Moreira da Silva / Wilson Pires)
09. Margarida (Moreira da Silva / Zózimo Ferreira)
10. A Volta de Chang-lang (Kiabo / Almir Costa Barbosa)
11. Antigamente (Heitor Catumbi / Moreira da Silva)
12. Cassino de Malandro (Raul Marques / Tancredo Silva)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Moreira da Silva – E o Samba de Breque

Samba de Breque - frente

Colaboração do sergipano Everaldo Santana

seloaselob

Show ao vivo que registrou a fase desse fantástico artista.

Samba de Breque - verso

Destaque para “Que malandro sou eu” de José Orlando e Wilson Mell.

Moreira da Silva – E o Samba de Breque
1977 – CID

01 O novo rico (Lourival Ramos e Ribeiro Cunha)
02 Lapa na década de 30 (Dalmo Niterói e M. Micelli)
03 Sambista de consultório (R. Bittencourt e M. da Silva)
04 Rei do cangaço (Miguel Gustavo)
05 Que malandro sou eu (José Orlando e Wilson Mell)
06 Petição (M. Micelli e D.Martins)
07 Eu não sou baiano (Waldemar Ressurreição)
08 Na subida do morro (Moreira da Silva e Lourival Ramos)
09 Dormi no molhado (Moreira da Silva e Ribeiro Cunha)
10 Doralice (Celso Castro e Moreira da Silva)
11 Adeus (Newton Teixeira e Christóvão de Alencar)
12
Aquele Retrato lindo (Moreira da Silva e M. Micelli)
Implorar (Kid Pepe – Germano Augusto – Gaspar)
Abre a Janela (Arlindo Marques Jr. e Roberto Roberti)
Até amanhã (Noel Rosa)
É bom parar (Rubens Soares)
Que samba bom (Geraldo Pereira e Arnaldo Passos)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Moreira da Silva – O astro

Moreira da Silva - O astro - capa

Uma coletânea com alguns dos maiores sucessos do Moreira da Silva, o rei do samba de breque.

Moreira da Silva - O astro - selo aMoreira da Silva - O astro - selo b

O selo Jangada é conhecido dos forrozeiros.

Moreira da Silva - O astro - verso

Destaque para “Na Subida Do Morro” de Geraldo Pereira, Moreira da Silva e Ribeiro Cunha; e para “Acertei no Milhar” de Wilson Batista e Geraldo Pereira.

Moreira da Silva – O astro
1983 – Jangada

01. Amigo Urso (Henrique Gonçalez)
02. Gago Apaixonado (Noel Rosa)
03. Conversa de Botequim (Noel Rosa / Vadico)
04. O Último dos Moicanos (Miguel Gustavo)
05. Filmando na América (Waldemar Pujol / Moreira da Silva)
06. Risoleta (Raul Marques / Moacir Bernardino)
07. Na Subida Do Morro (Geraldo Pereira / Moreira da Silva / Ribeiro Cunha)
08. O Rei do Gatilho (Miguel Gustavo)
09. Acertei no Milhar (Wilson Batista / Geraldo Pereira)
10. Morengueira Contra 007 (Miguel Gustavo)
11. Esta Noite Eu Tive Um Sonho (Wilson Batista / Moreira da Silva)
12. Fui ao Japão (Zé Ferreira / Moreira da Silva)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook