CD – Cataia – Nesta terra de ninguém

Com originalidade e bom gosto, a Cataia faz seu cardápio musical usando vários ingredientes. A base vem da rica música brasileira, principalmente regional — o forró tradicional, aliado às cirandas, às toadas de boi e outros ritmos brasileiros, e instrumentos africanos (djembê e dununs).
A banda tem o sabor da planta que nos empresta o nome, tem propriedades medicinais e que, curtida na cachaça, resulta em uma bebida especialmente interessante. (Extraído do release da banda)

Visite o sítio oficial = http://www.cataia.com.br/

A banda Cataia nasceu em 2001, na Ilha do Cardoso (litoral Sul de São Paulo) e leva esse nome devido a uma árvore característica da região cuja folha é usada para fazer uma bebida típica. A foto acima mostra as folhas da referida planta.

Na época da gravação desse disco, ainda eram da formação o percussionista Ricardo Abreu, conhecido como ‘Lango’ e o baixista Afonso Perks. Atualmente a formação é:

Rodrigo Fonseca: Voz / Violão / Flautas
Fabrício Batalha : Djembê / Dununs / Congas / Pandeiros / Caixa / Efeitos
Richard Lefèvre: Sanfona / Percussão
Xitão Moreira : Voz / Zabumba
Alexandre Benato: Guitarra / Violão / Viola de 10
Edson Figueroa: Baixo

Tive o privilégio e o prazer de participar da produção desse CD. Foi um grande aprendizado, além da oportunidade de conhecer bem os músicos e posteriormente conhecer a ilha do Cardoso, com toda sua magia, fazendo com que as músicas que havíamos trabalhado no estúdio, fizessem muito mais sentido.

Cataia – Nesta terra de ninguém
2002 – Candeeiro discos

01 Pra que mudar? (Rodrigo Fonseca – Richard Lefèvre)
02 Vida sem dor (Washington Moreira – Rodrigo Fonseca)
03 Gato gordo (Afonso Perks – Marcelo Farias Cardoso)
04 Mangabeira (Washington Moreira – Luiz Feijóli)
05 Intrevero na casa de Nicolá (Richard Lefèvre)
06 Bonito de Santa Fé (Rodrigo Fonseca)
07 Vento dos sonhos (Rodrigo Fonseca)
08 Amarelo que brilha (Richard Lefèvre)
09 Vardes mares (Rodrigo Fonseca)
10 O canto do sabiá (Ione Lefèvre – Richard Lefèvre)
11 Terra de ninguém (Richard Lefèvre – Rodrigo Fonseca)
12 De repente (Afonso Perks – Marcelo Farias Cardoso)
13 Xaximbo (Rodrigo Fonseca – Richard Lefèvre)
14 Sunumberimbá (Kamberimbá) (Ritmo Sunu tradicionalmente tocadopela etnia Kassunke na região de Kayes no Mali / África)
Faixa bônus: Hino ao Marujá (Dedo – Castor) (Adapt. Expedito)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Forró de Itaúnas – Primeiro Festival

coletacnea-2001-primeiro-festival-de-itaanas-capa

Hoje preparamos um CD que deixa um pouco de lado o pé-de-serra e tende um pouco mais para o lado do “Forró Universitário”. Porém esse é um trabalho importantíssimo para entender o movimento do forró aqui pelo sudeste.

coletacnea-2001-primeiro-festival-de-itaanas-bandas-no-bar-forra

Há mais de uma década, estudantes da USP começaram a organizar festas com o forró, quem tocava nessas festas era o Trio Virgulino. Com o tempo as festas foram crescendo e várias casas do gênero foram abrindo.

coletacnea-2001-primeiro-festival-de-itaanas-berao

Quando o movimento já estava estabelecido nas capitais do sudeste, sustentado por estudantes universitários foi “descoberto” Itaúnas, uma vilazinha no norte do Espírito Santo. Hoje em dia Itaúnas é considerada a capital do forró do sudeste.

coletacnea-2001-primeiro-festival-de-itaanas-bandas-no-buraco-do-tata

Em 2001 a cidade preparou o primeiro Festival de Forró de Itaúnas, para aquecer um pouco mais o forró no meio do ano. E esse CD que postamos aqui hoje é o resultado desse primeiro festival, com as 13 bandas melhores classificadas.

coletacnea-2001-primeiro-festival-de-itaanas-veso

Encontramos nesse CD grandes clássicos, que são cantados pelas bandas até hoje, como “Pássaro Preto” do Trio Lubião a música vencedora do festival. Temos também “Saudades de Itaúnas” da banda Forró MandaChuva e “Terrinha” da Banda Pé no Chão, hoje o Bando de Maria.

Forró de Itaúnas – Primeiro Festival
Candeeiro – 2001

#01. Passáro Preto – Trio Lubião (Leonardo Junqueira)
#02. Osmarim salgado doce – Corindó (Leandro Ambrósio – Ítalo Haver)
#03. Vem cá – Forró de Saia (Carlinhos Axé – Antonio Carlos)
#04. Saudade de Itaúnas – Forró MandaChuva (Luciana Lima)
#05. Terrinha – Banda Pé no Chão (Thiago Mazzilli)
#06. Lembrança da casinha – Xote de Colo (João Henrique)
#07. Jerimum em Itaúnas – Trio Jerimum (Zecimar, Miudinho – Ratinho)
#08. Vento dos sonhos – Banda Cataia (Rodrigo Fonseca)
#09. Recomeço – Banda Bagana (Robson Guedes)
#10. Xote de Itaúnas – Banda Karalarga (Jeffinho)
#11. Te encontrar – Cipó Cravo (Alysson – Leo)
#12. Da cor brasileira – Trio Girassol (Beto Pepe)
#13. Vida seca – Banda Pizindim (Tina Dias)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook