Pereirinha e sua gente com Antonio Carlos e Noemy Cavalcanti – Vamos dansar a quadrilha? e casamento da Rosinha

capa-vamos-danaar-a-quadrilha

Colaboração do Goes, ele disse:
‘Esta obra é muito importante. Tem a participação de Antonio Carlos, Matinhos e Geraldo Alves, grandes humoristas brasileiros. No seu bojo se encontram a cultura e a musica nordestinas que, atualmente, infelizmente tem sido desprezada por uma imensa parte dos brasileiros. Vamos ouvi-la e degustá-la. Afirmo que vale a pena, pois é criativa, alegre e estimulante.’

contracapa

Um disco épico, destaque para a grafia do título, na capa, e para o fato de termos apenas uma faixa de cada lado, cada uma com mais de 10 minutos. Outros comediantes que participaram da gravação: Matinhos, Altivo Diniz, Geraldo Alves, Selma Lopes e Leila Miranda

Pereirinha e sua gente com Antonio Carlos e Noemy Cavalcanti – Vamos dansar a quadrilha? e casamento da Rosinha
1957 – Odeon

Lado A: Pereirinha e Sua Gente com Antonio Carlos
01. Vamos Dançar a Quadrilha (Pereirinha)

Lado B: Pereirinha e Sua Gente com Noemy Cavalcanti
02. Casamento da Rosinha (Texto Humorístico de Pereirinha)

  • Lembrança do Sertão – Marcha (Pereirinha / J. Diniz)
  • Festa de Casamento – Arrasta-pé (Pereirinha – Marques Silva)
  • Festa da Vovó Geralda – Rancheira (Pereirinha – Zé Pitanga)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Pereirinha e sua gente – São João de outrora

capa-frente

Essa é a primeira colaboração do Jirrê, de Salvador – BA. Pra marcar o dia de Santo Antônio, ai vai um LP repleto de quadrilhas e marchinhas juninas. Ele mesmo mandou o texto abaixo, comentando a postagem.

‘Sylvio Pereira de Araújo — conhecido artísticamente por Pereirinha — nascido no exuberante estado do Paraná e criado na cidade de Ponta Grossa, tendo a felicidade de ser filho de pai e mãe musicistas, veio ao mundo com a alma talhada pêlos domínios da arte. É um enamorado da música e um cultor apaixonado da poesia e, como acordeonista, compositor e intérprete…’ (Trecho extraído da contra capa)

‘Este disco deve ter sido gravado lá pro idos de 1967 ou 1968. A data não foi registrada nas capas nem no vinil, o que se torna uma falha muito grande, pois se perde a referência do ano da gravação.

Eu dancei muitos forrós ao som deste vinil, na vitrola. Tocou tanto que quase a agulha sai do outro lado. Este vinil é muito interessante, principalmente quanto à marcação das quadrilhas. A capa tem muita criatividade e foi digitalizada sem restauração para manter a sua originalidade no tempo.

capa-fundo

Uma outra falha que se observa é quanto à identificação de uma das músicas: a última faixa do lado B, é identificada na contra-capa pelo título “Olho mágico” enquando que no selo do vinil (lado B), essa mesma faixa é identificada como “Olhos negros”.

O lado B é todo um pout-pourri. Destaque para as músicas “Quadrilha para criança” e “A banda” em ritmo de forró.’

Pereirinha e sua gente – São João de outrora
1967 – Equipe

lado A
01. Quadrilha de terreiro (Pereirinha e Paiva Resende)
02. Maxixe sertanejo (Pereirinha)
03. Casamento na roça (Pereirinha e Ivo Marins)
04. Bandeirante (Pereirinha e Manoel Ângelo)
05. São Jão de outrora (Pereirinha e Noemi Cavalcanti)
06. Recordar é viver (Pereirinha e Manoel Ângelo)
07. Cidade da garoa (Pereirinha)

Lado B
08. Poutpourri: Quadrilha para quadrilheiros

  • Essa polca é minha (Pereirinha)
  • O sanfoneiro só tocava isso (Haroldo Lobo – Geraldo Medeiros)
  • Pula a fogueira (Getúlio Marinho – João Bastos Filho)
  • Isso é lácom Santo Antonio (Lamartine Babo)
  • Capelinha de melão (João de Barro – Alberto Ribeiro)
  • Polquinha para quadrilha (Paiva Rezende)
  • Quadrilha para criança (Pereirinha e Paiva Rezende)
  • Quadrilha brasileira (Gerson Filho – José Maria Aguiar)
  • A banda (Chico Buarque de Holanda)
  • Olhos negros (Rodi – adaptação de Pereirinha)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook