Dió de Araújo – Monumento nordestino

dia-araujo-monumento-nordestino-capa

Colaboração do Jorge Paulo.

Dió de Araújo é atualmente vocalista e zabumbeiro do Trio Xamego.

dia-araujo-monumento-nordestino-selo-adia-araujo-monumento-nordestino-selo-b

A temática das letras é predominantemente de cunho religioso, uma das exceções é “Sacola vazia” de Renato Moreno, embora sua letra traga também uma forte mensagem moral, que continua sendo atual nos dias de hoje.

Segundo Dió, o disco foi lançado em 1979.

dia-araujo-monumento-nordestino-verso

Direção artística de José Elisomar da Silva, produção de Renato Moreno, arranjos, regência e acordeons de Cezar do Acordeon, zabumba de Zé Mago e pandeiro de Zequinha.

Destaque para a regravação de “Uma prece para os homens sem Deus” de autoria de Gordurinha e para “Fogo em Roma” de Genimar e Julio Ricardo.

Dió de Araújo – Monumento nordestino
1979 – Art Discos

01. Reforma agrária (Renato Moreno / Manoel Vicente)
02. Resposta do último pau-de-arara (Renato Moreno)
03. Peru calado (Julio Ricardo / Dió Araújo)
04. Dedo de Deus (Julio Ricardo / Costa)
05. Voltamos ao pó (Renato Moreno / Julio Ricardo)
06. Começo de tudo (Julio Ricardo / João dos Santos)
07. Uma prece para os homens sem Deus (Gordurinha)
08. Sacola vazia (Renato Moreno)
09. Carnaíba (Julio Ricardo / Josias Morato)
10. Belém do Pará (Renato Moreno)
11. Os dez mandamentos (Renato Moreno / Julio Ricardo)
12. Fogo em Roma (Genimar / Julio Ricardo)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Benício Guimarães – Vitamina tipo D

benicio-frente1

Tudo que sei sobre o sanfoneiro Benício Guimarães é que ele é pai do Zé Neto, zabumbeiro do Trio Araripe. Ele andou fazendo alguns shows aqui em São Paulo há uns dois anos, infelizmente não pude ir a nenhum, mas o PC foi e disse que é muito bom.

Com seu nome registrado em todas as músicas desse disco, Benício Guimarães é um grande compositor, autor de diversas canções, algumas gravadas por grandes nomes do forró como Azulão de Caruaru, Os 3 do nordeste e Jackson do pandeiro, entre outros.

benicio-verso1

Gravado em 16 canais, com o Zé Neto tocando zabumba e o próprio Benício na sanfona, com duas instrumentais, as últimas de cada lado do disco, destaque para a faixa título, um xote bem safado, “Vitamina tipo D” e para “forró na fazenda” regravada nesses últimos tempos pelo Trio Araripe na voz de Tiziu.

Benício Guimarães – Vitamina tipo D
Art discos

01. Vitamina tipo D (Benicio Guimarães – Galileu)
02. Decisão junina (Benicio Guimarães – Mathuzalem)
03. Tipo de criança (Benicio Guimarães – Ramira Gentille)
04. Forró na fazenda (Benicio Guimarães)
05. Sapo realejo (Benicio Guimarães – Zé do Rojão)
06. Reforma agrária (Benicio Guimarães – Renato Moreno)
07. Baião da boa vontade (Renato Moreno – Tito Mendes)
08. A siricora (Benicio Guimarães)
09. Flor morena (Benicio Guimarães – Chico Santana)
10. Chá de moringa (Benicio Guimarães)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook