CD – Calango Aceso – Fom Fonrom Fomfom

calango-aceso-1996-fom-fonrom-fomfom-capa

A banda ‘Calango Aceso’ nasceu em 1993, na cidade de Fortaleza-CE, lançada pela gravadora somZoom, que, na época, tentava aproveitar a ascenção o estilo ‘forró romântico’, que viria a se tornar o ‘forró eletrônico ou estilizado’ de hoje em dia.

calango-aceso-1996-fom-fonrom-fomfom-masicas

Esse CD ‘Fom Fonrom Fomfom’, é o segundo álbum lançado pela banda, aproveitando o embalo do primeiro disco lançado dois anos antes.

calango-aceso-1996-fom-fonrom-fomfom-ficha

Depois de 16 anos de carreira e com sede em Caruaru – PE, a banda ‘Calango Aceso’ contabiliza mais de 10 CDs gravados e um DVD gravado ao vivo em Fortaleza – CE.

calango-aceso-1996-fom-fonrom-fomfom-verso

Produzido por Ferreira Filho, gravado em 24 canais em Fortaleza – CE, acordeons de Marcos Farias e Pedro Sorriso Largo, destaque para a faixa título “Fom Fonrom Fomfom”.

Calango Aceso – Fom Fonrom Fomfom
1996 – SomZoom

01 – Fom Fonrom Fomfom (Lucas Evangelista)
02 – Segredo da paixão (Elizeu Ribeiro)
03 – Xamego (Elizeu Ribeiro)
04 – Marcou demais (Rita de Cássia)
05 – A morte do touro preto (Luiz Fidélis – Evando Carneiro)
06 – Formiga de roça (Lucas Evangelista)
07 – Mar de solidão (Edinir)
08 – Sao essas coisas (Rita de Cássia)
09 – Caboclinha (Lucas Evangelista)
10 – Água de passarinho (Jorge Nobre)
11 – Só mais uma vez (Dadá di Moreno – Jeová de Carvalho)
12 – Crianca esperanca (Luiz Fidélis – Danilo Lopes)
13 – Deixe a lua clarear (Dadá di Moreno – Jeová de Carvalho)
14 – Se você me quiser (Nonato Lima)
15 – Jeito de ser (Moacir Rodrigues)
16 – Calanguinhos (Dilson Pinheiro)
17 – Crianca esperanca (Luiz Fidélis – Danilo Lopes)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Fagner – Bateu saudade

fagner-1996-bateu-saudade-capa

Esse disco também foi lançado em CD. Esse ano, de 1996, marcou a transição do vinil para o CD, época em que alguns artistas lançaram nos tres tipos de mídia disponíveis, vinil, k7 e o recém chegado CD.

fagner-1996-bateu-saudade-verso

O disco é uma coletânea, reúne músicas gravadas de 1984 a 1995, e tem uma gravação inédita, a que dá nome ao álbum e foi gravada especialmente para ele “Bateu saudade” de autoria de João Lyra.

Participações de Marinês na faixa 02, que é um pot pourri de arrasta-pés onde ambos homenageiam Gonzagão, e na faixa 06, um xote extraído de um dos discos que Fagner gravou junto com o rei.

Fagner – Bateu saudade
1996 – BMG

#01. Bateu saudade (João Lyra)
#02. São João do Gonzagão:
Olha pro céu (Luiz Gonzaga – José Fernandes)
São João na roça (Luiz Gonzaga-Zé Dantas)
Noites brasileiras (Luiz Gonzaga-Zé Dantas)
#03. Saudade (Gonzaguinha)
#04. Você endoideceu meu coração (Nando Cordel)
#05. Sabiá (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
#06.
Cigarro de paia (Armando Cavalcanti – Klécius Caldas)
Boiadeiro (Klécius Caldas-Armando Cavalcanti)
#07. Na asa do vento (Luiz Vieira – João do Vale)
#08. Pedras que cantam (Fausto Nilo – Dominguinhos)
#09. Lembranças de um beijo (Accioly Neto)
#10. No Ceará é assim (Carlos Barroso)
#11. Baião da rua (Fausto Nilo – Nonato Luiz)
#12. Cariribe (Luiz Paiva – Moraes Moreira)
#13. Asa branca (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Luiz Gonzaga – 50 anos de chão – 5 LPs

1996-luiz-gonzaga-50-anos-de-chao-capa

Colaboração do José de Sousa, natural de Guarabira – PB. Essa é uma publicação muito especial, afinal não é sempre que podemos publicar cinco LPs do Gonzagão de uma vez só.

1996-luiz-gonzaga-50-anos-de-chao-foto1

Essa coletânea teve seu repertório planejado e organizado por José Milton, de forma a resumir a obra do Gonzagão, sendo assim, achamos que seria mais coerente se a publicassemos inteira, de uma vez só, e não em cinco partes como seria mais prático.

1996-luiz-gonzaga-50-anos-de-chao-foto2

O mais interessante desse repertório estar todo reunido num lugar só, é poder comparar os tipos diferentes de letras, músicas e temáticas que o Gonzagão gravou, a partir dos diversos parceiros de composições que acompanharam durante sua carreira, entre eles, Humberto Teixeira, Zé Dantas, Zé Marcolino e João Silva.

1996-luiz-gonzaga-50-anos-de-chao-verso

Outra coisa interessante de se reparar, é a evolução cronológica e o gradual aumento da qualidade técnica das gravações. Desde “Vira e mexe” de 1941, gravado ao vivo em um canal, literalmente tirando leite de pedra, evoluindo até as gravações do final da década de 1980, com vários canais e muito mais tecnologia.

Luiz Gonzaga – 50 anos de chão – 5 LPs
1996 – BMG

Disco: 1

01. Vira e mexe (1941) (Luiz Gonzaga)
02. Dança Mariquinha (1945) (Luiz Gonzaga – Miguel Lima)
03. No meu pé de serra (1946) (Humberto Teixeira – Luiz Gonzaga)
04. Vem morena (1949) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
05. Acauã (1952) (Zé Dantas)
06. Baião (1949) (Humberto Teixeira – Luiz Gonzaga)
07. Asa branca (1947) (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)
08. Boiadeiro (1950) (Klecius Caldas – Armando Cavalcanti)
09. Cintura fina (1950) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
10. Forró de Mané Vito (1949) (Zé Dantas – Luiz Gonzaga)
11. 13 de Dezembro (1953) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
12. No Ceará não tem disso não (1950) (Guio de Moraes)

Disco: 2

01. Pau-de-arara (1952) (Guio de Moraes – Luiz Gonzaga)
02. Sabiá (1951) (Zé Dantas – Luiz Gonzaga)
03. Juazeiro (1949) (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)
04. A Volta da asa branca (1950) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
05. Baião da garoa (1952) (Luiz Gonzaga – Herve Cordovil)
06. Qui nem jiló (1950) (Humberto Teixeira – Luiz Gonzaga)
07. O Xóte das meninas (1953) (Zé Dantas – Luiz Gonzaga)
08. Assum preto (1950) (Humberto Teixeira – Luiz Gonzaga)
09. Riacho do navio (1955) (Zé Dantas – Luiz Gonzaga)
10. Respeita Januário (1950) (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)
11. Paraíba (1950) (Humberto Teixeira – Luiz Gonzaga)
12. Abc do sertão (1953) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)

Disco: 3

01. A Dança da moda (1950) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
02. Légua tirana (1949) (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)
03. Imbalança (1952) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
04. Estrada de Canindé (1950) (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)
05. Xandusinha (1950) (Luiz Gonzaga – Humberto Teixeira)
06. Vozes da seca (1953) (Zé Dantas – Luiz Gonzaga)
07. Olha pro céu (1951) (Luiz Gonzaga – José Fernandes)
08. São João na roça (1952) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
09. Noites brasileiras (1954) (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
10. São João do carneirinho (1952) (Luiz Gonzaga – Guio de Moraes)
11. Piriri (1965) (João Silva – Ary Rangel)
12. Forró no escuro (1957) (Luiz Gonzaga – Miguel Lima)

Disco: 4

01. A feira de Caruaru (1957) (Onildo Almeida)
02. Cacimba nova (1964) (José Marcolino) Part: José Marcolino
03. Apologia ao jumento (O jumento é nosso irmão) (1968) (Luiz Gonzaga – José Clementino)
04. Sanfona do povo (1964) (Luiz Guimarães – Helena Gonzaga)
05. Óia eu aqui de novo (1967) (Antonio Barros)
06. Meu Araripe (1968) (João Silva – Luiz Gonzaga)
07. Pense n’eu (1984) (Gonzaga Jr.) Part: Gonzaguinha
08. Ovo de codorna (1971) (Severino Ramos)
09. Serrote agudo (1962) (José Marcolino – Luiz Gonzaga)
10. A morte do vaqueiro (1963) (Luiz Gonzaga – Nelson Barbalho)
11. Capim novo (1976) (Luiz Gonzaga – José Clementino)
12. A triste Partida (1964) (Patativa do Assaré)

Disco: 5

01. A vida do viajante (1979) (Luiz Gonzaga – Herve Cordovil) Part: Gonzaguinha
02. Danado de bom (1984) (Luiz Gonzaga – João Silva) Part: Elba Ramalho
03. Súplica cearense (1984) (Gordurinha – Nelinho) Part: Fagner
04. Pagode russo (1984) (Luiz Gonzaga – João Silva)
05. Forró nº 1 (1985) (Cecéu)
06. Sanfoneiro macho (1985) (Luiz Gonzaga – Onildo Almeida)
07. Luar do sertão (1981) Part: Milton Nascimento
08. Obrigado, João Paulo (1980) (Padre Gotardo)
09. Sanfoninha choradeira (1984) (Luiz Gonzaga – João Silva) Part: Elba Ramalho
10. Forró de cabo a rabo (1986) (Luiz Gonzaga – João Silva)
11. Nem se despediu de mim (1987) (João Silva – Luiz Gonzaga)
12. Depois da derradeira (1981) (Dominguinhos – Fausto Nilo) Part: Dominguinhos

Para baixar essa coletânea, com os 05 LPs e as capas, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Jorge de Altinho – Com você na cabeça

Esse é o primeiro álbum do Jorge de Altinho a ser lançado em formato CD. Com arranjos pra frente mas com um bom balanço.

Produzido por Jorge de Altinho, arranjos de Fábio Valoá e Genaro, sanfonas de Genaro e César do acordeon, destaque para o xote “Pra fazer chamego” de João Caetano.

Jorge de Altinho – Com você na cabeça
1996 – Royal

01 Correndo atrás de mim (Jorge de Altinho)
02 Pra fazer chamego (João Caetano)
03 O pão (Horácio Faustino – Namir Cury – Reginaldo Rossi)
04 Com você na cabeça (Cecéu – Antônio Barros)
05 Vamos lá pra ver (Antônio Barros)
06 Gosto de baton (Everaldo Boavista)
07 Pra que que chorar (Jorge de Altinho)
08 Na paz do teu amor (Luiz Moreira)
09 Liga pra mim (Jorge de Altinho)
10 Carolina (Jorge de Altinho)
11 Saudade matadeira (Eliezer Sélton)

Para baixar esse disco, clique aqui.

CD – Oswaldinho do acordeon – Forró feroz

Colaboração do Omar Campos, músico e produtor musical, me emprestou esse CD para eu “tirar uma cópia”. Oswaldinho autografa o encarte do CD com a data de 1996, indicando a data. Essa gravadora, Acervo discos, não existe mais, sendo assim esse disco é tão ou mais raro que um vinil, não é mesmo?

É uma pena que um som tão bom corra o risco de cair no esquecimento, apenas por que não há mais interesses econômicos que façam com que grandes empresas invistam e tentem vender os discos.

Eles só querem saber de dinheiro, explorar a cultura é apenas um meio de se ganhar dinheiro. como agora as vendas de CDs cairam muito, as gravações da década de 1990 estão caindo no esquecimento também, assim como a maioria dos vinis.

Dentre as músicas cantadas, destaque para “Fato consumado” de autoria do Djavan e dentre as instrumentais, destaque para “Um tom para Jobim” de Sivuca e Oswaldinho, para “Segura as calças” de Oswaldinho do Acordeon e Paulo Nascimento e para a faixa que dá nome ao disco, “Forró feroz” de Oswaldinho do Acordeon.

Oswaldinho do acordeon – Forró feroz
1996 – Acervo

1. Forró feroz (Oswaldinho do Acordeon)
2. Fato consumado (Djavan)
3. Pé no asfalto, outro na buraqueira (Dominguinhos)
4. Sete Marias (Luis Carlos Sá – Guarabyra)
5. Um Tom para Jobim (Sivuca – Oswaldinho do Acordeon)
6. Luz da Ira (Biguá – Oswaldinho do Acordeon)
7. Macambira (Oswaldinho do Acordeon)
8. Vem cá morena (Oswaldinho do Acordeon – Paulo Nascimento)
9. Segura as calças (Oswaldinho do Acordeon – Paulo Nascimento)
10. Vem comigo (Paulo Nascimento – Oswaldinho do Acordeon)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Flávio José – Filho do dono

Flávio José Marcelino Remígio, ou apenas Flávio José, cantor, compositor e acordeonista. Flávio José teve como suas principais influências Luiz Gonzaga e Dominguinhos, consagrou-se como um dos maiores intérpretes de forró da região nordeste do Brasil.

Nascido em Monteiro – PB, na região do cariri paraibano, teve uma vida sofrida e difícil. Precoce, já aos sete anos revelou vocação para tocar acordeon. Aos 10 anos, seguindo o tino dos instrumentistas nordestinos, viu no “céu da boca o chão das estrelas do forró” e passou a cantar e a estar onde o povo estava. Sempre acompanhado da sua sanfona de 24 baixos. O forrozeiro gravou 8 LPs e 16 CDs, milhares de shows e eventos depois, tem uma carreira consolidada. Reverenciado como o “rei” do xote e do forró romântico dançante.

Flávio não tem contrato com gravadoras, não faz parte da indústria cultural nem do esquema comercial do tal show business. Apesar do sucesso popular no Nordeste, ele não recebe espaço para divulgação de sua obra nas redes nacionais de rádio e televisão. Por isso, seu trabalho não aparece além do Nordeste. Ele trilha um caminho próprio, em produção independente. Seu sucesso surgiu de boca em boca, de ouvido em ouvido, de cidade em cidade. Tem dia em que ele faz show em duas, três cidades diferentes. (Informações extraídas de seu sítio)

Nesse disco, participações especiais de Dominguinhos na terceira faixa “Gente sofrida”, de Antonio Barros e Dezinho Queiroga, e de Elba Ramalho na quarta faixa “Dois rubis” de Petrúcio Amorim. Destaque para as duas faixas iniciais, “Caia por cima de mim’ de Maciel Melo e a música que empresta o nome ao álbum, “Filho do dono”, de Petrúcio Amorim. Destaque para outros dois xotes maravilhosos, para “Mensageiro beija-flor” de Nanado Alves e para “Mulher comprometida” de Antonio Barros.

Flávio José – Filho do dono
1996 – LBC

#01. Caia por cima de mim (Maciel Melo)
#02. Filho do dono (Petrúcio Amorim)
#03. Gente sofrida (Antonio Barros – Dezinho Queiroga)
#04. Dois rubis (Petrúcio Amorim)
#05. Coração que ama (Itanildo Show)
#06. Ciscadinho (Arlindo dos 8 baixos)
#07. Mensageiro beija-flor (Nanado Alves)
#08. Filosofia (Itanildo Show)
#09. Caminhos do sertão (Itanildo Show)
#10. Oh! Vaqueiro (Eufrásio – Gilson Neto – Nascimento Filho)
#11. Mulher comprometida (Antonio Barros)
#12. Quadrilha no pé de serra (Zezinho de Garanhuns – Rivaldo)
#13. Raiz do Coração (Cecéu)
#14. Louco de paixão (Pinto do Acordeon)

Para baixar esse disco, clique aqui

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Trio Virgulino – Ao vivo

Esse foi o primeiro trabalho em CD do Trio Virgulino, na época ajudou a tornar o trio conhecido no interior de São Paulo e na capital paulista, registrando os primórdios do início do rotulado “Forró universitário”, quando o trio tocava nas festas dos estudantes da USP e tinha sua noite fixa, ás quartas feiras, no extinto e saudoso ‘Projeto Equilíbrio’, umas das maiores casas de forró que já existiram aqui em Sampa.

Ganhei esse CD do próprio Adelmo Nascimento, com direito a um rabisco no encarte, é claro, afinal sou fã do trio, embora hoje eles estejam internacionais, quando lembro dessa época, bate uma saudade… Eita nostalgia!

O disco reúne no seu repertório, diversos clássicos do forró autêntico, destaque para a oitava faixa, que tem uma bela sequência de forrós, pro suor escorrer. E a curiosidade fica por conta da última faixa, onde usaram uma bateria eletrônica, creio que com o objetivo de atingir também o público do dito forró ‘eletrônico’.

Trio Virgulino – Ao vivo
1996

01)
Cintura Fina (Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
Cajuína (Caetano Veloso)
Boiadeiro (Armando Cavalcanti – Klelcius Caldas)
02)
Petrolina e Juazeiro (Jorge de Altinho)
03)
Até mais vê (Pedrinho – Primo)
Pequenininha (Assisão)
04)
Paixão de beata (Nenem mulher) Pinto do acordeon
05)
Pensei que fosse alimento (Durval Vieira – Tony Din)
Rio das Pedras (Durval Vieira – Zenilton)
06)
Você caiu do céu (Nando Cordel)
Pagode Russo (Luiz Gonzaga – João Silva)
Nem se despediu de mim (Luiz Gonzaga – João Silva)
Olha pro céu (Luiz Gonzaga – José Fernandes)
07)
Propriá (Guio de Moraes – Luiz Gonzaga)
08)
Buli com tu (Cecéu)
Chegadinho (Assisão)
Forró Brasil (Hermeto Pascoal)
09)
Matuto Transviado (João do Vale – Luiz Wanderley)
De noite na cama (Caetano Veloso)
10)
Pensei que fosse alimento (Durval Vieira – Tony Din)
Ovo de codorna (Severino Ramos)

Como este disco está completamente fora de catálogo, para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

Genival Lacerda – O brinquedo da menina

Colaboração do DJ Vinícius de BH. Esse deve ser o último disco em vinil lançado pelo glorioso Genival Lacerda, certamente, pela data, deve ter sido lançado já em CD também.

Participações especiais de Sivuca e Dominguinhos, que gravaram brilhantemente as sanfonas do disco, relembrando a época de ouro, do final da década de 1970, quando o Maestro Sivuca arranjava os álbuns do Genival.

Óbviamente a qualidade das composições não é a mesma, mas se pensarmos no tipo de música que tocava nas rádios na época em que esse disco foi lançado, temos que admitir que ele está muito mais compromissado com o forró do que com a mídia.

Produção, montagem e edição do próprio Genival, arranjos de Sivuca, assistente de produção Graça Góis, gravado em 24 canais, com composições de João Silva, João Gonçalves e Durval Vieira, entre outros.

Genival Lacerda – O brinquedo da menina
1996 – RGE

*01. O brinquedo da menina (Zezum – Graça Gois)
*02. Ele é boiola (Téo Azevedo – Genival Lacerda)
*03. Mulher de borracha (João Gonçalves – Genival Lacerda)
*04. Ela é banda voôu (Durval Vieira – Graça Gois)
*05. Se liga na chanha (Durval Vieira – Graça Gois)
*06. Afogaram o ganso (João Gonçalves – Genival Lacerda)
*07. Cabeça louca (Durval Vieira – Graça Gois)
*08. Tá faltando tudo (Durval Vieira – Graça Gois)
*09. Pra se remexer (João Silva – Genival Lacerda)
*10. Ponta nele (Durval Vieira – Graça Gois)
*11. Use o cinto é lei (Durval Vieira – Graça Gois)
*12. Celeiro de artistas (João Gonçalves – Genival Lacerda)
*13. Ouro pra meu forró (João Silva – Genival Lacerda)
*14. Ilumine o meu caminho (Tony Araújo – Graça Gois)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

CD – Elba Ramalho – Leão do Norte

Esse é o CD da Elba que mais me agrada, repleto de forrós e todos com arranjos muito dançantes. Outro dia conversei com um dos nossos frequentadores virtuais e ele descobriu junto à gravadora que esse CD está fora de catálogo, então aqui está, como se fosse um vinil.

Produzido por Robertinho do Recife, que foi responsável por alguns dos arranjos, ao lado de Lenine, Luiz Antonio, Zé Ramalho, Zé Américo e Dominguinhos, esse dois últimos foram também responsáveis pelas sanfonas do álbum.

Várias músicas me agradam muito, destaque para as regravações “Onde tu tá nenem” de Luiz Bandeira, gravada originalmente pelo rei Lua, para “Na base da chinela” de Rosil Cavalcanti e Jackson do Pandeiro, gravada originalmente pelo próprio Jackson e para “Eu vou até de manhã” de Lauro Maia, gravado originalmente pelo Trio Nordestino. Outras faixas que merecem um destaque são “Canoeiro” de Dorival Caymmi e “Treze de dezembro”, música de Luiz Gonzaga e Zé Dantas, só que nessa versão, com letra de Gilberto Gil.

Elba Ramalho – Leão do Norte
1996 – BMG

#01. Onde tu tá nenem (Luiz Bandeira)
#02. Xodó beleza (Cecéu)
#03. Leão do norte (Paulo Cézar Pinheiro – Lenine)
#04. Chão de giz (Zé Ramalho)
#05. Béradêro (Chico Cézar)
#06. Treze de dezembro (Gilberto Gil – Luiz Gonzaga – Zé Dantas)
#07. Na base da chinela (Rosil Cavalcanti – Jackson do Pandeiro)
#08. Canoeiro (Dorival Caymmi)
#09. Parceiros das delícias (Capinam – Geraldo Azevedo)
#10. Eu vou até de manhã (Lauro Maia)
#11. Estrada do Canindé (Luiz Gonzaga – Humberto teixeira)
#12. A paisagem (Manduka – Dominguinhos)
#13. Estrela miúda (João do Vale)
#14. Sim, foi você (Caetano Veloso)
#15. Evocação no 1 (Nelson Ferreira)
#16. Frevo no 1 do Recife (Antônio Maria)
#17. Oh! bela (Capiba)
#18. Sou eu teu amor (Alceu valença – Carlos Fernando)

Como esse disco está fora de catálogo, para baixá-lo, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

post image

CD – Trio Sabiá – Forró pra lá de bom

Esse CD tem uma história curiosa, quando conheci o Trio Sabiá, creio que em 1997, esse disco tinha sido prensado no ano anterior e nem o próprio Trio tinha uma cópia sequer. Falei com o Tio Joca e ele me disse pra eu procurar a gravadora Unacam, em Campinas – SP, lá conheci o Seu Antonio Ramos, que gentilmente me cedeu as duas últimas cópias que estavam em arquivo lá.

Entreguei uma cópia pro Tio Joca e a outra, guardada com muito carinho, está aqui. Creio que esse disco é mais raro do que muitos vinis. Produzido por Ligeirinho e Trio Sabiá, arranjos de Tio Joca e Trio Sabiá, sanfonas de Oswaldinho do acordeon e Cézar do acordeon.

Belas composições e um balanço espetacular. Destaque para os xotes “Pra te dar amor” de Gilvan Neves, “Saudade delas” de Manoel Fernandes e Tio Joca e “Quero ser seu dono” de Catarino Cardoso e Tio Joca, e para o forró “Desabafo” de Edson Pereira Azevedo e Somasso Italiano.

Trio Sabiá – Forró pra lá de bom
1996 – Unacam

#01. Êh… Ôh… (João Silva – Geraldão – Iranilson)
#02. Viemos pra alegrar (Trajano Menezes – Zito)
#03. Pra te dar amor (Gilvan Neves)
#04. Forró fim de semana (Miraldo Aragão – José Salvador)
#05. Saudade delas (Manoel Fernandes – Tio Joca)
#06. Desabafo (Edson Pereira Azevedo – Somasso Italiano)
#07. Forró safadim (João Silva – Zé Mocó – J. Marques)
#08. A festa é nossa (Antonio José)
#09. Quero ser seu dono (Catarino Cardoso – Tio Joca)
#10. Onde tem forró tem amor (Aluízio Cruz)
#11. Pé de esperanção (Tonia Santos – Aluízio Cruz)
#12. Vem meu amor (Osvaldo Aragão – Tio Joca)

Para baixar esse disco, clique aqui.

Se estiver com dificuldade para baixar e descompactar os arquivos, tire suas dúvidas em nosso manual “passo a passo”, clique aqui.

1 2 3 4 5

Quem somos

Somos uma rede filantrópica colaborativa de colecionadores e músicos.

Uma comunidade que se conheceu e se comunica virtualmente, unidos em torno de uma paixão comum, o forró tradicional.

Quer saber mais da nossa história?
Continue navegando neste portal.

Um grade abraço,
DJ Ivan

Facebook